sábado, Maio 25, 2019
Notícias Mercado Absolar e Abdi assinam acordo de cooperação para ampliar a competitividade da...

Absolar e Abdi assinam acordo de cooperação para ampliar a competitividade da indústria do setor fotovoltaico no Brasil

114

Foi anunciada durante o Brasil Solar Power, evento oficial do setor solar fotovoltaico brasileiro, a celebração de um Acordo de Cooperação Técnica e Institucional entre a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (Abdi) e a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar).

O acordo terá como objetivo a realização de atividades conjuntas entre as duas entidades visando o desenvolvimento da fonte solar fotovoltaica no Brasil, com foco especial na viabilização de um ambiente propício para o desenvolvimento competitivo da indústria fotovoltaica nacional. Esta parceria com a Absolar é estratégica para a Abdi, pois, por meio dela, serão implementadas ações para que o Brasil possa se tornar um polo de desenvolvimento industrial em energia solar fotovoltaica.

“A energia solar fotovoltaica complementa e aprimora a matriz elétrica brasileira, contribuindo para o desenvolvimento energético, socioeconômico, ambiental e estratégico do Brasil, tanto em usinas solares fotovoltaicas de grande porte, quanto em sistemas solares fotovoltaicos incorporados em edificações residenciais, comerciais, industriais, rurais e edifícios públicos”, destacou Luiz Augusto de Souza Ferreira, presidente da Abdi.

A Absolar congrega 138 empresas de toda a cadeia produtiva do setor solar fotovoltaico e até então trabalhava junto com a Abdi em atividades pontuais, desde 2014. O acordo entre Abdi e Absolar acontece em um momento de grande dinâmica para o setor. Ao longo de 2013, 2014 e 2015, a energia solar fotovoltaica apresentou notável crescimento, que superou a marca de 300% apenas no ano de 2015.

Ao longo de 2016, diversos fabricantes nacionais e internacionais anunciaram o estabelecimento de indústrias para a produção de equipamentos fotovoltaicos no país, como módulos, inversores e rastreadores solares. Adicionalmente, com os resultados positivos dos leilões de energia solar fotovoltaica, serão realizados investimentos privados de mais de R$ 12,5 bilhões de reais planejados no país até 2018, referentes à construção de 99 usinas solares fotovoltaicas de grande porte, representando por uma potência total de 3,3 GW.

“Por meio deste acordo estratégico, fortaleceremos a colaboração da Absolar com a Abdi, ampliando as ações do setor voltadas ao aprimoramento da competitividade industrial e crescimento do mercado de energia solar fotovoltaica no país. O desenvolvimento de uma cadeia produtiva local para o setor solar fotovoltaico poderá contribuir para a geração de empregos locais de qualidade, bem como para o reaquecimento das economias de Estados e Municípios, ampliando as oportunidades de mercado e tornando a tecnologia solar fotovoltaica mais acessível a pessoas e empresas ao redor do país”, apontou Rodrigo Sauaia, presidente executivo da Absolar.