Açúcar sobe 412 pontos em 30 dias, em Nova York

Sistema, porém, só é eficaz se combinar de maneira ideal diversas fontes energéticas

48

Os contratos futuros do açúcar fecharam em alta na última sexta-feira (19). Em Nova York os contratos para março/19 foram firmados em 13.89 centavos de dólar por libra-peso, alta de 2 pontos. Na tela maio/19 os papéis fecharam em 14.01, alta de 7 pontos.

Em Londres os contratos futuros para dezembro/18 foram firmados em US$ 379,00 a tonelada, alta de 40 cents de dólar. Os contratos para março/19 também foram negociados em US$ 379,00 a tonelada, alta 1,10 dólar.

De acordo com a Archer Consulting, em trinta dias de pregão o mercado futuro de açúcar em NY assistiu a uma inacreditável recuperação nos preços que, saiu de uma mínima de 9.83 centavos de dólar por libra-peso para uma máxima de 13.95 centavos de dólar por libra-peso, ou seja, 412 pontos.

“Nem o analista fundamentalista mais otimista poderia esperar um desempenho tão expressivo do mercado em um espaço de tempo tão exíguo: 42%. Nós acreditávamos que o mercado de açúcar atingiria 13.50 centavos de dólar por libra-peso no último trimestre do ano, mas não poderíamos prever uma escalada íngreme como esta”, ressalta Arnaldo Luiz Corrêa, diretor da Archer Consulting.

O indicador Cepea/Esalq para o açúcar cristal, estado de São Paulo, fechou na sexta-feira em R$ 65,90/saca de 50 kg, registrando valorização diária de 0,60%.

 

Fonte: Agência UDOP