Arábia Saudita aumenta o preço do petróleo exportado para outros continentes

90

A estratégia da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) chegou à segunda etapa. Depois de assinado o acordo entre os países do cartel para a redução da produção, agora a Arábia Saudita, principal membro do grupo, começou a subir os preços das exportações para o mês que vem.

A medida, tomada pela estatal Saudi Aramco, já vale para compradores da Ásia, dos Estados Unidos, da Europa e do Mediterrâneo, com uma alta ainda ligeira, de 15 a 30 centavos de dólar acima do índice de referência da região para o barril de óleo cru Arab Light.

O acordo fechado pela Opep em novembro do ano passado previa que os países membros fizessem um corte de 1,2 milhão de barris por dia a partir do início de 2017, com a meta de reduzir a produção do cartel para 32,5 milhões de barris diários. Além disso, outros países de fora do grupo acabaram se juntando ao acordo, como a Rússia, com a previsão de reduzirem o total mundial em mais 560 mil barris por dia.

#GrupoMidia #GrupoMidia10Anos #FullEnergy #LiderancaEmEnergia #Energy #Energia #LiderancaEmGestao

@FullEnergyBR