CNPE cria grupo para estudos de viabilidade da Usina Nuclear Angra 3

117

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) instituiu um grupo de trabalho para realizar estudos e analisar a viabilidade da Usina Nuclear Angra 3. A Resolução foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (18).

O grupo é formado pelos Ministérios de Minas e Energia, Fazenda e Planejamento, além do Gabinete de Segurança Institucional e Secretaria Especial do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), vinculados à Presidência da República. Empresa de Pesquisa Energética, Eletrobras e Eletronuclear também participam do GT. O colegiado se reunirá a cada 15 dias e terá o prazo de 60 dias para concluir suas atividades, com possibilidade de prorrogação.

Após a finalização dos estudos, uma proposta será apresentada ao CNPE para uma possível avaliação de retomada do empreendimento. Segundo o Plano Decenal de Energia (PDE 2026), a projeção é que a Usina entre em operação comercial em janeiro de 2026, caso as questões que hoje impedem o desenvolvimento do projeto sejam equacionadas.