Fórum Nacional Eólico e SolarInvest movimentam debates sobre setor energético

64

Teve início na manhã desta segunda-feira (18), o 8º Fórum Nacional Eólico – Carta dos Ventos e o SolarInvest 2016, os dois mais importantes eventos regulatórios do setor das energias renováveis no país. A Escola de Governo do RN, em Natal, recebeu autoridades políticas, executivos do setor eólico e solar e empresários da cadeia produtiva para debater a consolidação desses segmentos no Brasil. Os eventos são uma realização do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE).

No inicio da manhã, aconteceu um workshop para jornalistas e executivos de comunicação com o tema “Fundamentos da Energia Eólica e Solar para Profissionais de Comunicação”. Os assuntos abordados foram: Evolução histórica do uso das fontes eólica e solar; Alguns conceitos básicos e unidades de medida da energia; Funcionamento e concepções de aerogeradores e painéis solares; A energia eólica e solar no mundo e no Brasil; Aspectos institucionais do setor energético brasileiro e leilões federais; Aspectos econômico-financeiros dos projetos eólicos e solares; Aspectos sócio-ambientais dos empreendimentos energéticos e a arqueologia dos empreendimentos eólicos.

Para a jornalista Beatriz Eitelwein, que trabalha numa empresa com parques eólicos no Rio Grande do Norte, as apresentações foram essenciais para esclarecer várias dúvidas sobre o setor. “Gostei bastante das palestras, pois foi muito abrangente e esclarecedora em relação à parte técnica do setor de energia”, explicou a participante.

Já para a jornalista Cristina Felipe, que trabalha com comunicação coorporativa, o workshop deu a oportunidade de conhecer diversos assuntos. “Achei o workshop muito interessante. Soube de várias coisas que eu não conhecia. Com certeza foram abordados assuntos bastante ricos sobre o setor energético.”

Durante a manhã também ocorreu uma plenária executiva com líderes empresariais, analistas e gestores. A sessão fechada aconteceu no auditório da Escola de Governo onde foi realizado um debate franco sobre o atual arcabouço legislativo e regulatório brasileiro para geração de energia a partir de fontes eólica e solar.

Segundo o empresário Cícero Dantas, da empresa Neutron Segurança, o evento possibilita maior o estreitamento das relações entre os prestadores de serviço e lideranças do setor energético. “O Fórum Nacional Eólico funciona como um elo entre as empresas que prestam serviços relacionados a cadeia produtiva e grandes entidades do setor eólico e solar, proporcionando muitas parcerias para o desenvolvimento desses setores”, afirma o empresário.