Geração de energia com biogás ganha espaço no Brasil

674

O Leilão A5 que foi promovido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em abril de 2016 foi o primeiro a contratar um projeto de biogás em larga escala. Desenvolvido pela Raízen, o projeto vencedor negociou 20,8 MW.

Além do biogás, que por sua vez foi o primeiro da história a ser contratado em larga escala, o leilão contratou outros 29 projetos de energia elétrica, totalizando 528,9 megawatts (MW) de potência. De acordo com dados no Ministério de Minas e Energia (MME) o preço médio da energia negociada no leilão foi de R$ 198,59/MWh, movimentando R$ 9,772 bilhões e alcançando um deságio médio de 8,65%.

Segundo o presidente da Associação Nacional de Biogás e Biometano (Abiogás), Cícero Bley Jr, a contratação de biogás em grande escala é muito importante para o desenvolvimento do setor do país. “Esse é um dos passos para consolidação de uma política nacional consistente que contemple o biogás e o biometano como fonte de energia renovável dentro da matriz energética”, ressaltou.