Goiás deverá ter usina solar em usina de cana

63

A Celg, companhia de energia de Goiás, está negociando uma parceria com a agência americana USTDA para elaborar um projeto de usina solar a ser construído na Usina CEM, em Morrinhos, na Região Sul do estado. Segundo Augusto Francisco da Silva, diretor técnico comercial da Celg, a ideia é criar uma usina relativamente pequena e quebrar barreiras. “Não estamos em busca de ganhar muito dinheiro mas, também, não podemos construir um projeto deficitário. A USTDA vai nos ajudar, inclusive, nesse sentido: fazer a análise técnica e econômica para que o projeto tenha o retorno dentro de um padrão aceitável”, disse o diretor em entrevista à Web Rádio Água.

A unidade é a primeira usina solar da Celg e ocupará um espaço de aproximadamente 12 hectares. O investimento para a construção da usina será de aproximadamente R$ 60 milhões e o que for produzido deve ser comercializado em leilões do setor ou vendido em grandes indústrias.