José Mauro Coelho, da EPE, fala sobre Programa Renovabio

46

José Mauro Coelho, Diretor de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), estará mais uma vez no Fórum do Biogás. Um ano depois da sua última participação, o diretor volta para mediar o painel “Programa Renovabio”, que contará com a participação de representantes do Ministério de Minas e Energia (MME), da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), da Associação Brasileira de Biogás e de Biometano (ABiogás) e da consultoria Datagro.

Bacharel em Química Industrial, Mestre em Engenharia dos Materiais pelo Instituto Militar de Engenharia (IME) e Doutor em Planejamento Energético pelo Programa de Planejamento Energético (PPE) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Coelho possui mais de 25 anos de experiência profissional, atuando nos setores de petróleo, gás natural e biocombustíveis. O Diretor vê com muito otimismo o atual momento do biogás.

“Da minha última participação para agora, é possível perceber uma movimentação favorável do mercado. É pouquíssimo tempo para uma evolução real, mas já percebo ações promissoras. Iniciativas distintas indicam isso: a regulamentação do Renovabio, as apostas de montadoras em veículos a biometano, as parcerias entre empresas, como a Raízen e a Geo Energética, a sanção de leis e marcos legais estaduais do biogás”, destaca.

As expectativas para 2019 são positivas. “Acredito que, independentemente, de quem for eleito as perspectivas para o mercado de biogás/biometano são boas. O Renovabio é lei e todos os candidatos dizem apoiar. O que pode preocupar é o ritmo e a forma com que será desenvolvido. No entanto, a EPE e outras instituições do setor, com certeza, trabalharão para garantir e conduzir essa evolução”, afirma o Diretor. 

Fruto da parceria ABiogás e EPE, a inserção do biogás nos Planos Decenais de Expansão de Energia (PDE), produzidos pela EPE, foi um momento histórico. Este avanço mostra a sinergia entre as instituições. “A aproximação da ABiogás com a EPE possibilitou este feito. A ABiogás tem conduzido muito bem a promoção do biogás, sempre presente em eventos e fóruns de discussão. Três aspectos são fundamentais para a consolidação desta fonte: o técnico, o político e a atuação ativa da ABiogás.”

Considerado o maior evento do setor no país, o Fórum do Biogás, que acontecerá em São Paulo, nos dias 31 de outubro e 1º de novembro, reunirá, em um só lugar, mais de 200 dos principais representantes da cadeia de biogás e biometano para uma programação intensa e networking, troca de conhecimento e futuras parcerias. O evento, promovido pela Associação Brasileira de Biogás e de Biometano (ABiogás), tem como principal objetivo a inserção definitiva do biogás e do biometano na matriz energética brasileira.

Fonte: Lacomunica/ ABiogás