Cerimônia apresenta novos diretores da ANEEL

340
Novos diretores da Aneel em sabatina no Senado

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) realizou nesta quarta-feira (13/6), em sua sede em Brasília, a solenidade de recepção dos diretores Rodrigo Limp Nascimento e Sandoval de Araújo Feitosa Neto. A cerimônia contou com a participação do ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, e dos diretores da ANEEL, Romeu Rufino, André Pepitone e Tiago Correia. Estiveram presentes ao evento servidores da Agência, antigos e atuais dirigentes, parlamentares, representantes de instituições públicas e privadas, autoridades governamentais e jornalistas especializados em energia e infraestrutura.

Rodrigo Limp falou sobre a importância da Agência para o desenvolvimento do setor elétrico do país, na geração de emprego e para o avanço das novas tecnologias. Ao falar sobre os desafios setoriais, como a resolução da questão do risco hidrológico (GSF), o diretor reforçou o papel da Agência:  “A ANEEL deve fazer parte da solução dessas questões. Eu não tenho dúvidas de que o local mais adequado para tratar os conflitos do setor elétrico é a agência reguladora”.

Em seu discurso, Sandoval Feitosa destacou o trabalho da Agência para a melhoria da qualidade da prestação do serviço de energia elétrica. O diretor ressaltou que a ANEEL tem o grande desafio de avançar na questão da qualidade e atuar para que a sociedade seja beneficiada pela ação do regulador.

“Para isso devemos implementar sinais regulatórios apropriados que possibilitem adequada remuneração aos investidores e tarifas justas para o consumidor brasileiro”.

O ministro de Minas e Energia Moreira Franco finalizou a cerimônia desejando sucesso aos novos diretores e reforçou o papel da agência reguladora para o aperfeiçoamento da prestação dos serviços de eletricidade.

Sandoval Feitosa, nomeado na vaga de Reive Barros dos Santos, é Engenheiro Eletricista graduado pela Universidade Federal do Maranhão (2002) e Mestre em Engenharia Elétrica pela Unb (2009). Trabalhou na Companhia Energética do Maranhão (Cemar), de 2001 a 2003, na gerência técnica dos processos de manutenção e operação do sistema de distribuição. De 2003 a 2005 atuou na Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) na coordenação de equipes técnicas de manutenção. Em 2005, tornou-se Especialista em Regulação da ANEEL exercendo atividade de auditorias técnicas na Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade. Em 2014 passou a atuar na Assessoria da Diretoria da ANEEL e, no final de maio de 2015, assumiu a Superintendência de Regulação dos Serviços de Transmissão. Em 2017 tornou-se superintendente de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade.

Rodrigo Limp, que ocupará a vaga aberta pelo diretor José Jurhosa Junior, é formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Juiz de Fora UFJF (2007) e Mestre em Economia do Setor Público pela Universidade de Brasília – UnB (2012). Na ANEEL, Limp atuou como Especialista em Regulação de janeiro de 2007 a fevereiro de 2015 na Superintendência de Concessões, Permissões e Autorizações de Transmissão e Distribuição. Executou na Agência atividades técnicas e econômico-financeiras associadas aos leilões de concessões de transmissão de energia elétrica. Atualmente é Consultor Legislativo da Câmara dos Deputados na área de Recursos Minerais, Hídricos e Energéticos.