PLD aumenta 2,5% em todo o país e alcança valor médio de R$ 238,94/MWh

81

O Preço de Liquidação das Diferenças para o período entre 5 e 11 de novembro subiu 2,5% em todos os submercados. De acordo com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, o valor médio semanal passou de R$ 233,01/MWh para R$ 238,84/MWh. O preço continua equalizado em todo o país uma vez que os limites de intercâmbio entre os submercados não foram atingidos.

Segundo a câmara, a principal causa do aumento no preço é a queda de 81% para 74% da Média de Longo Termo na previsão das afluências para o Sistema em novembro. Os níveis de energia natural afluente esperados ficaram mais otimistas apenas no Sudeste que foi elevada para 83%.

Já a carga prevista para o SIN na segunda semana de novembro está aproximadamente 1.050 MW médios mais baixa em comparação ao previsto na semana anterior. Houve redução apenas no Sudeste, permanecendo inalterada nas demais regiões.

Os níveis dos reservatórios do SIN estão aproximadamente 1.400 MW médios acima do previsto na última semana com elevação observada em todos os submercados.

O fator de ajuste do MRE para novembro foi revisto de 92,1% para 89,4%. Os Encargos de Serviços do Sistema são esperados em R$ 204 milhões para o período, sendo R$ 202 milhões referentes a segurança energética.