Produção de energia eólica na China deverá triplicar até 2030

60

Segundo o último relatório da GlobalData a capacidade instalada energia eólica na China vai aumentar de cerca de 149 GW em 2015 para mais de 495 GW em 2030, representando uma taxa de crescimento anual de 9%.

A empresa afirma que a China tem, de longe, a maior capacidade de produção de energia eólica a nível mundial, correspondendo a um terço da capacidade de energia eólica acumulada em todo o mundo em 2015.
Em segundo lugar surgem os EUA, com 17% da quota global.

As políticas governamentais de apoio e a disponibilidade de financiamento a baixo custo a partir de bancos do governo são as principais razões para o sucesso do mercado de energia eólica chinesa.

A GlobalData indica ainda que as políticas do governo chinês que promovem a energia eólica incluem a “Law on Renewable Energy” (2005, revista em 2009), a “Wind Power Technology Special Planning” (2012) e a “Notice on Integrating and Accommodating Wind Power” (2013).

Apesar do grande desenvolvimento da China no setor da energia eólica até à data, o setor enfrenta uma incapacidade para acomodar o rápido aumento do número de turbinas eólicas em áreas remotas, devido à sua rede elétrica pouco desenvolvida.

O governo chinês já anunciou que vai colocar os novos projetos de energia eólica nas província do norte em espera enquanto o país desenvolve a rede elétrica.