GasBrasiliano finaliza obras do projeto Cidades Sustentáveis

Em parceria com a Usina Cocal, projeto terá como próxima etapa o comissionamento da rede

A GasBrasiliano concluiu, em 30 de junho, as obras de construção da rede de distribuição de gás do projeto “Cidades Sustentáveis”. A próxima etapa do projeto é o período de comissionamento da rede, fase em que ocorre a ativação de todos os equipamentos e tecnologias necessárias para a inserção do biometano na rede previamente ao início da distribuição. Esse estágio garante que a operação está apta a ser iniciada com total segurança.

Lançado em abril de 2019, na 25ª Agrishow – Feira Internacional de Tecnologia Agrícola, realizada em Ribeirão Preto, o Projeto colocará os municípios de Narandiba, Pirapozinho e Presidente Prudente em destaque nacional no que diz respeito ao abastecimento com o biometano gerado a partir do processamento de resíduos da cana-de-açúcar (vinhaça, palha e torta de filtro), sendo a primeira rede exclusiva deste tipo de gás no Brasil.

A GasBrasiliano e a Usina Cocal são parceiras na iniciativa, sendo a primeira a responsável pela construção do gasoduto para distribuição do biometano na região e a segunda pela produção do biometano, que pode chegar até 25 mil m³/dia. O projeto conta ainda com a parceria da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo (SIMA).

Foram construídos aproximadamente 51 quilômetros de tubulação em aço para interligação entre a fonte de suprimento (Usina Cocal, localizada em Narandiba) ao futuro mercado consumidor (Narandiba, Pirapozinho e Presidente Prudente) e mais 14,5 quilômetros de tubulação em polietileno para a conexão ao mercado industrial, comercial, residencial e veicular localizados nas áreas urbanas destes municípios.

O investimento total no projeto foi de R$ 180 milhões, sendo R$ 30 milhões da GasBrasiliano para construção da rede de distribuição e R$ 150 milhões da Cocal na construção da planta para a produção de biometano.

“Estamos muito satisfeitos com a conclusão das obras conforme cronograma do projeto. Mesmo com as dificuldades impostas pela pandemia e os desafios de construir uma rede de distribuição com diferentes níveis de complexidade por passar tanto por áreas rurais como urbanas, hoje comemoramos a finalização dessa etapa com muito orgulho. É um projeto totalmente inovador, que promoverá diversidade energética, competitividade à indústria e fomento à expansão da rede em outras regiões”, explica Alex Gasparetto, diretor presidente da GasBrasiliano.

“Esse projeto destaca o compromisso da Cocal com os valores ASG (Ambiental, Social e Governança) em busca da descarbonização da matriz energética brasileira. O biometano é um gás verde que representa mais uma contribuição, além do etanol, em prol do meio ambiente. Já temos todas as autorizações para comercialização dessa fonte de energia limpa e, em breve, começaremos junto com a GasBrasiliano o abastecimento da região de Presidente Prudente via rede isolada de gasoduto”, afirma Paulo Zanetti, diretor superintendente da Cocal.

Cidades Sustentáveis

O Projeto “Cidades Sustentáveis” faz parte da estratégia da GasBrasiliano de alavancar a inserção do biometano na matriz energética do Estado de São Paulo, valorizando uma vocação da sua área de concessão, que tem uma concentração alta de usinas do setor sucroenergético, e exercendo o seu papel de desenvolver a infraestrutura local de distribuição de gás.

O projeto, cuja ótica operacional e econômica poderá ser replicada para diversos outros municípios e regiões administrativas do Noroeste Paulista, agregado ao grande potencial de produção de biometano do setor sucroenergético, colabora com o desenvolvimento regional e coloca a região na vitrine mundial desta fonte energética sustentável.

 

 

Próximo Post

ENERGY DAY

Nenhum evento encontrado!

Últimas Notícias