General Joaquim Luna e Silva deve assumir presidência da Petrobras

Com a saída de Roberto Castello Branco, acionistas da estatal devem indicar Luna e Silva ao cargo

A Assembleia Geral da Petrobras aprovou na última segunda-feira (12) a troca do então presidente Roberto Castello Branco. Para assumir o cargo, os acionistas da estatal – que possui capital aberto – devem indicar o general Joaquim Luna e Silva.

A proposta teve 58,28% dos votos favoráveis na assembleia de acionistas da estatal. Os detentores de 21,88% das ações votaram contra, enquanto donos de outras 10,84% se abstiveram.

O atual presidente, Jair Bolsonaro, fez duras críticas Bolsonaro à política de preços dos combustíveis durante o mandato de Roberto Castello Branco. Esse fato pode ter contribuído para a substituição do cargo.

Atualmente, general Joaquim Luna e Silva é diretor-geral da Itaipu Binacional. Luna se comprometeu a impedir que políticos indiquem aliados pouco qualificados para cargos importantes na Petrobras, um problema nas administrações anteriores.

Próximo Post

ENERGY DAY

Nenhum evento encontrado!

Últimas Notícias