Ministro de Minas e Energia anuncia medidas durante evento da Full Energy

Evento promovido pelo Grupo Mídia aconteceu na última quarta-feira (30/06) e homenageou os nomes mais importantes do setor energético

Ministro de Minas e Energia anuncia medidas durante evento da Full Energy

Na última quarta-feira (30/06) aconteceu a grande premiação dos 100 Mais Influentes da Energia da Década. O evento seguiu todas as normas e recomendações de segurança das autoridades de saúde, como restrição de convidados, uso obrigatório de máscara, dispositivos de desinfecção individual e de todo o ambiente.

Os 100 Mais Influentes da Energia da Década reuniu importantes nomes do setor e contou, ainda, com a presença ilustre – de forma remota – do Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque.

O Secretário de de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis doMinistério de Minas e Energia, José Mauro Coelho, recebeu a placa de homenagem em nome de Bento Albuquerque.

O Ministro agradeceu a iniciativa do Grupo Mídia por premiar as 100 personalidades que fizeram história no setor energético nos últimos dez anos.

“Atos de reconhecimento são gestos nobres, que visam a dar sentido e orientar o trabalho de pessoas que despendem tempo e esforços em ações de alcance significado para a coletividade. Com essa percepção e com os sentimentos de alegria e honra, por ter sido homenageado como um dos 100 Mais Influentes da Energia da Década, cumprimento o presidente do Grupo Mídia, Sr. Edmilson Junior, pela realização de mais este evento que simboliza o tributo ao trabalho bem realizado no setor, o Oscar da Energia”, explica.

Albuquerque frisou que o Ministério segue com uma trajetória transparente e que mantém um permanente diálogo com os demais Ministérios. Ele cita alguns dos expressivos resultados no setor de petróleo, gás natural e biocombustíveis que o Ministério alcançou durante sua atuação.

Como a viabilização do maior leilão de petróleo do mundo e os recordes na produção e exportação de petróleo. Ele explicou que, atualmente, somos o sétimo produtor e exportador do mundo com a previsão de alcançarmos o quinto lugar até 2030.

Já em relação aos biocombustíveis, o Ministro pontuou o importante marco que foi colocar em prática o programa Renovabio para promover a expansão da produção e do uso de biocombustíveis na matriz energética brasileira e contribuir com a redução de emissões de gases causadores de efeito estufa.

Ele relembra que em 2019, o Ministério realizou cinco leilões de geração e um de transmissão com expectativa de R$ 14 bilhões em novos investimentos e criação de 35 mil empregos. Em 2020, mesmo com a pandemia, aconteceu um leilão de transmissão com investimento de R$ 7 bilhões de empreendimentos e criação de 15 mil empregos.

“Com relação ao enfrentamento da pandemia, é importante ressaltar que o setor energético demonstrou resiliência e o Governo Federal atuou em benefício dos consumidores, sobretudo dos mais vulneráveis. Além de tomar providencias que atuam significativamente para a retomada do desenvolvimento econômico sustentável”, acrescentou.

Para 2021, Albuquerque tem a expectativa de realizar dez leilões de geração e dois de transmissão. Um leilão de sistemas isolados e um leilão de transmissão já foram feitos e permitirão o investimento de R$ 1,3 bilhão e com a capacidade de gerar mais de 2.500 empregos diretos e indiretos em mais de seis estados brasileiros.

 

Assista o evento completo:

Próximo Post

ENERGY DAY

Nenhum evento encontrado!

Últimas Notícias